07 Novembro 2014

QUINTA VELHA DO HESPANHOL EM PROCESSO DE CLASSIFICAÇÃO


No site da DGPC -  Direcção Geral do Património Cultural, encontra-se a seguinte referência à Quinta do Espanhol, situada nas Carreiras, freguesia da Carvoeira, concelho de Torres Vedras:

Em Vias de Classificação (com Despacho de Abertura)

Não se trata de toda a quinta mas sim Do designado SOLAR DA QUINTA VELHA DO HESPANHOL.
A fundamentação encontra-se aqui:

www.patrimoniocultural.pt/static/data/patrimonio_imovel/classificacao_do_patrimonio/despachosdeaberturaearquivamento/er_1quintahespanhol.pdf

e aqui:

http://www.patrimoniocultural.pt/pt/patrimonio/patrimonio-imovel/pesquisa-do-patrimonio/classificado-ou-em-vias-de-classificacao/geral/view/18832654

Há cerca de dois anos visitámos a Quinta no âmbito de uma tertúlia de leitura organizada pela Fábrica das Histórias / Casa Jaime Umbelino. Nessa altura tivemos oportunidade de fazer algumas fotografias do exterior do Solar e do salão nobre.















































































Fotos: Joaquim Moedas Duarte / ADDPCTV



02 Novembro 2014


A página LUGAR ONDE, no semanário torriense BADALADAS, deu destaque à inauguração do FORUM de Associações, que aconteceu em 25 de Outubro de 2014.
O acto público foi presidido por Carlos Miguel, presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, com a participação da presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, Ana Abrunhosa e de Carlos Ferreira, Presidente do Forum.
Joaquim Moedas Duarte, presidente da Direcção da Associação para a Defesa e Divulgação do Património Cultural de Torres Vedras, proferiu um discurso de apresentação da sua Associação que a seguir transcrevemos:

É com enorme alegria que a Associação para a Defesa e Divulgação do Património Cultural de Torres Vedras, de cuja Direcção faço parte, se associa à festa desta inauguração. Permitam-me recordar que a nossa Associação completa, este ano, 35 anos de existência. Não vou fazer a sua história mas julgo que é oportuno partilhar convosco algumas considerações que nos permitem entender melhor o contexto em que ela surgiu,   em Março de 1979.

19 Outubro 2014

INAUGURAÇÃO OFICIAL DO FORUM DE ASSOCIAÇÕES CULTURAIS DE TORRES VEDRAS


Inauguração - Fórum de Associações Culturais de Torres Vedras
.
O projecto Fórum Cultural, integrado no Torres ao Centro, teve como objectivo a construção da sede do Fórum de Associações Culturais de Torres Vedras, que reúne o Académico de Torres Vedras; a Associação para a Defesa e Divulgação do Património Cultural de Torres Vedras; o Espeleo Clube de Torres Vedras e a Sociedade Recreativa Operária de Torres Vedras.
.
O projecto propôs a reabilitação do conjunto edificado situado junto ao morro e muralha do Castelo, conjunto imponente que tem como elemento emblemático a passagem em arco sobre a Travessa do Quebra-Costas.
.
A intervenção cumpriu vários propósitos subjacentes aos processos de regeneração urbana: recupera estruturas físicas existentes, valorizando o espaço público envolvente; introduz funções que promovem hábitos de sociabilização e de criação de relações de vizinhança; promove o debate e a reflexão multidisciplinares e capta para o núcleo do centro histórico novos utilizadores e frequentadores.
.
O programa proposto para o Fórum é abrangente e diversificado, reflexo da natureza das associações que o constituem, incidindo em áreas como a música, o xadrez, a educação ambiental, a defesa do património, o teatro, a dança e a fotografia.


.
Programação Inauguração|
.
17h00 - Inauguração
17h30 - A CASA DO OPERÁRIO | História e Papel das Associações que integram o Fórum
18h30 - Seis Canções por Cant’arte
19h00 - Porto d´Honra






FORUM: UM PROJECTO CULTURAL INOVADOR

O Fórum de Associações Culturais de Torres Vedras tem como fundadores a Associação para a Defesa e Divulgação do Património Cultural de Torres Vedras, o Espeleo Clube de Torres Vedras, a Camerata Vocal de Torres Vedras, o Académico de Torres Vedras e a Assim - Associação de Intercâmbio Municipal. A sua fundação/ escritura publica, teve lugar a 30 de Janeiro de 2002.

A adesão posterior a este projecto, por parte da Sociedade Recreativa Operária, associação com um longo historial na vida sócio-cultural torriense, nomeadamente no centro histórico, veio permitir a reutilização do seu edificio sede, que se encontrava necessitado de urgentes obras de restauro e readaptação. Entretanto a ASSIM e a Camerata Vocal saíram do projecto

Um dos principais objectivos que levou à criação do Projecto Fórum Cultural foi o de potenciar a dinâmica associativa e os serviços que estas prestam à comunidade, através da união das sinergias destas associações em torno de um projecto comum.

O edificio sede do Fórum tem condições excepcionais para que as associações desenvolvam as suas actividades amplamente reconhecidas pela comunidade como fundamentais para o desenvolvimento cultural e o fortalecimento do tecido social da cidade.

Este projecto e este espaço vão dar apoio às escolas, através de colaboração em acções de educação ambiental, de divulgação do património, de informação juvenil, de apoio documental, de exposições temáticas.   

O edificio dispõe de um espaço de bar que já se encontra a funcionar estando aberto ao público de quinta feira a sábado das 18h30 às 2h00. O Quebra Costas BAR é um local de encontro e de confraternização entre a experiência das associações residentes e o cidadão. É um espaço aberto a TODOS os que o desejem visitar, estejam ou não ligados às associações que constituem o FORUM. Frequentar o Quebra Costas Bar será, também, uma forma de contribuir para a sustentabilidade financeira das associações.

Sublinhe-se: o projecto do Forum das Associações Culturais de Torres Vedras é inovador na medida em que procura unir e articular várias associações mantendo cada uma delas a sua autonomia. Vai, assim, ao arrepio da tendência dominante, desde há muitos anos, de cada associação trabalhar por si, em circuito fechado. Os dirigentes da associações ali reunidas acreditam que o facto de disporem de uma ampla e moderna sede, num local emblemático do Centro Histórico – ao cimo da Travessa do Quebra-Costas – permitirá um acrescido interesse por parte da população torriense que tem ali uma nova e atraente centralidade.

(A partir do texto publicado no jornal do Centro Histórico, MILA GAIPA, Out 2014,  em que a ADDPCTV colabora activamente)

ROTA HISTÓRICA DAS LINHAS DE TORRES





Rota Histórica das Linhas de Torres Vedras galardoada com

 o prestigiado prémio da União Europeia para o Património 

Cultural - Europa Nostra 2014.



Ver aqui: http://www.europanostra.org/awards/132/



28 Setembro 2014

AS JORNADAS DE ONTEM

Lá estivemos, em A dos Cunhados, em visita à sua igreja.
De salientar: os relógios, na fachada; os azulejos de tapete do séc.XVII, no corpo da igreja; os azulejos historiados do séc. XVIII e o tecto do "tipo masseira" na capela-mór; a capela baptismal; a sacristia com uma curiosa abóbada e um lavabo; e a igreja com as três naves divididas por colunas de mármore, fruto de obras profundas realizadas já no século XX.














A padroeira, Nª Srª da Luz, imagem de pedra , do séc. XVI, com repinturas posteriores:






Sacristia e lavabo:












Fizemos também uma visita ao Núcleo Patrimonial da Associação Pró-Memória onde visitámos a Azenha reconstruída, a Casa do Moleiro e a Adega.

(Fotos: Joaquim Moedas Duarte)

18 Setembro 2014

JORNADAS EUROPEIAS DO PATRIMÓNIO



A Associação do Património de Torres Vedras e a Associação Cultural e Etnológica de A dos Cunhados comemoram as JORNADAS EUROPEIAS DO PATRIMÓNIO 2014



PROGRAMA - 27 SETEMBRO 2014

11H00   - OS MONUMENTOS NACIONAIS DE TORRES VEDRAS         
                 Sessão no FORUM das Associações de TV, [ Travessa do 
                 Quebra Costas, Centro Histórico de Torres Vedras] 
                 Repete-se às 21H00. 
                 Estas sessões integram-se, também, no Programa    
                 LARGO CO(N)VIDA, iniciativa da Câmara Municipal de 
                 Torres Vedras.

15H00 -   Adro da Igreja em A dos Cunhados: 
                 concentração das pessoas interessadas em participar

15H15 -   Visita guiada à Igreja de Nª Srª da Luz

16H00 -   Visita ao Núcleo Patrimonial da Azenha, Casa do 
                 Moleiro e Adega em A dos Cunhados

Todos estamos convidados. 
"Conhecer o nosso Património para melhor o divulgar e defender"